sexta-feira, 30 de setembro de 2011

PARA NÃO DIZER QUE EU NÃO FALEI DAS FLORES - GERALDO VANDRÉ

Por uma Cuba Livre

É nosso desejo que não demore, os "ventos da liberdade" soprarem sobre a nossa Ilha e fazer tremular a bandeira dos nossos irmãos cubanos.
Hildegardis Ferreira
Desde Barbalha - Ceará - Brasil
Vídeo indicado por:Nati Vartanian

Professores dizem que foram agredidos na Assembleia Legislativa

Mais manifestação na Assembleia Legislativa

Confusão e agressões a professores na Assembleia Legislativa

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Professores e Polícia entram em confronto na Assembleia Legislativa do Ceará


Os três professores que faziam greve de fome na Assembléia Legislativa, e foram detidos pelo Batalhão de Choque durante manifestação na manhã desta quinta-feira, 29, já foram liberados. O clima ainda é de tensão na Casa Legislativa. Alguns professores estão se dispersando, mas o movimento ainda é grande próximo ao plenário, que continua com o acesso bloqueado.

O presidente da Assembleia Legislativa, Roberto Cláudio, deverá receber, em seu gabinete, uma comitiva de professores grevistas, após a sessão.
 
Segundo a professora Laura Lobato, uma das docentes que estava na greve de fome, os policiais do Batalhão de Choque chegaram por volta de 8 horas para expulsar os docentes da entrada do plenário. Um dos professores desmaiou, por conta da greve de fome. Neste momento, dois professores continuam com o protesto.

Ainda de acordo com a professora, a greve de fome vai continuar por tempo indeterminado, mesmo com o fim da manifestação de hoje. Ela informou ainda que o clima ficou calmo apenas com a chegada da Comissão de Direitos Humanos à Assembleia.

Durante o protesto, um professor foi agredido na cabeça e levado ao hospital. De acordo com informações dos manifestantes, ele sofreu traumatismo craniano.
 
Fotos: Frank Costa e Apeoc

Os professores, em greve há 54 dias e com alguns fazendo greve de fome na Casa, dizem que a agressão partiu da Polícia, enquanto os policiais dizem que os ferimentos foram provocados por objetos arremessados.

O Batalhão de Choque afastou os docentes da porta de entrada do plenário da Assembleia. Uma comissão dos docentes tenta conversar com o presidente da Casa. A entrada no plenário continua barrada por policiais.

Alunos de escolas públicas chegaram à Assembleia para se juntar à manifestação dos professores, com instrumentos musicais. Professores distribuíram sanduíches e refrigerantes para os manifestantes.
(Foto: Frank Costa/Blog do Eliomar)Batalhão de Choque foi acionado para conter a manifestação dos professores. (Foto: Frank Costa/Blog do Eliomar)  

A Bolsa Familia dos Ferreira Gomes - PSB Ceará

Ciro Gomes recebe R$ 22 mil como ‘consultor’ do PSB

Folha

Sem mandato desde fevereiro, o ex-deputado Ciro Gomes recebe mensalmente R$ 22 mil do PSB do Ceará.
A pedido do irmão Cid Gomes, governador cearense e mandachuva do PSB no Estado, Ciro foi designado “consultor político” do partido.
A revelação veio à luz nas pegadas de uma conflagração do diretório do PSB no Ceará, que se encontra em pé de guerra.
O conflito acentuou-se após recente troca de comando da legenda.
O novo presidente, Karlo Kardozo, acusa o antecessor, Sérgio Novais, de ter inviabilizado as finanças do PSB cearense.
Kardozo anuncia que levará o caso à polícia, registrando boletim de ocorrência sobre R$ 140 mil que, segundo diz, Novais sacou indevidamente da conta do partido.
Em meio ao lufalufa, Novais esteve na redação de ‘O Povo’, o mais importante jornal do Ceará. Munido de documentação, negou que tenha procedido mal.
Lero vai, lero vem Novais revelou que Cid Gomes disignara Ciro Gomes como consultor do PSB-CE. Mencionou também a remuneração mensal de R$ 22 mil.
Ciro ainda não se pronunciou sobre o episódio.
- O blog no twitter
Escrito por Josias de Souza às 19h42
.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

SINDMUB Informa - A GREVE CONTINUA

CONTRA PROPOSTA DOS PROFISSIONAIS DO MAGISTÉRIO DE BARBALHA PARA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA


.por Sindicato Sindmub, quarta, 28 de setembro de 2011 às 13:49.

SINDMUB – SINDICATO DO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL DE BARBALHA – CE
CNPJ – 41.341.983/0001-07
Rua Pe. José Correia, 123 Bairro do Rosário
Barbalha – CE


Barbalha, 28 de setembro de 2011

Ofício Nº 00128092011/2011

Da: Presidente do SINDMUB

Teresa Maria Sampaio

AO: Secretário de Administração do Município de Barbalha-CE

Sr. Rommel Rodrigues de Alencar

Prezado Senhor,

Em resposta a Proposta feita pelo município datada de 28 de setembro de 2011 objetivando a Suspensão da Greve, deflagrada pelos profissionais do magistério, comunicamos que conforme deliberado na Assembléia Geral realizada na manhã de hoje, os Profissionais do Magistério resolveram oferecer a seguinte contra proposta ao município:

1) Implementação de 1/3 da carga horária para hora atividade e ou atividade extra-classe de forma integral, para a partir do início do ano letivo de 2012 , contemplando todos os professores seja da educação infantil ou do ensino fundamental;

2) Aceitação da remuneração dos professores temporários conforme proposta apresentada nesta data pelo município;

3) Revisão do PCCR tão somente após a implantação de Regência de Classe de 40% sobre o salário base para todos os profissionais do magistério;

4) Implantação imediata da referida regência de classe;

5) Manutenção do movimento Grevista até ulteriores deliberações da categoria.

Sem mais para o momento aguardamos um posicionamento da administração, sempre abertos ao diálogo e às negociações.

Teresa Maria Sampaio
Presidente

SONORA BRASIL - Circuito 2011/2012



Hora terça, 4 de outubro às 19:00 - 05 de outubro às 20:00
--------------------------------------------------------------------------------
Localização SESC Crato/ Juazeiro
--------------------------------------------------------------------------------
Criado por Cultura Sesc Cariri
--------------------------------------------------------------------------------

Mais informações •Sagrados Mistérios: Vozes do Brasil



BANDA DE CONGO PANELA DE BARRO (ES)

-Dia 04 de outubro às 19h no SESC Crato
Rua André Cartaxo, 443 - Centro
Informações: (88) 3586.9150






-Dia 05 de outubro às 20h no SESC Juazeiro
Rua da Matriz , 227 - Centro
Informações: (88) 3587.1065


ENTRADA FRANCA


•Sobre o Evento:


A Banda de Congo Panela de Barro, formada por quatro cantadeiras, um percussionista e o mestre Valdemiro Sales, foi selecionada para participar do Sonora Brasil Sesc, maior projeto de circulação musical do país.

O Panela de Barro vai participar do Sonora 2011 na temática "Sagrados Mistérios - vozes do Brasil", grupo no qual também estão a Comitiva de São Benedito da Marujada de Bragança (PA), Caixeiras do Divino (MA)e Quarteto Colonial do RJ. Esta formação da banda de congo fará 54 apresentações entre setembro e novembro de 2011 pelas regiões norte, nordeste e centro oeste do Brasil.

Desde sua fundação, em 1998, cerca de 60 grupos já participaram do projeto e, em média, três mil apresentações foram promovidas.

O objetivo do Sonora Brasil Sesc é incentivar o desenvolvimento da música no país. Para o Espírito Santo, será uma oportunidade de levar a música e a cultura capixaba para todo o Brasil. Esta é a primeira vez que um grupo capixaba participa do projeto.


PSOL no Rádio e na TV - Programa Nacional




Programa político do PSOL na próxima quinta-feira

Na quinta-feira 29 de setembro vai ao ar o programa do PSOL nacional em rede de rádio e televisão.

O programa, nos dois veículos, terá cinco minutos de duração.

No rádio será transmitido às 20h.

Na TV, vai ao ar às 20h30min.

Divulgue o máximo que puder!


PSOL um partido necessário!



terça-feira, 27 de setembro de 2011

Professor, fale direto com a Câmara Federal


Fale com o seu Deputado

Você deseja

Elogiar   Sugerir   Solicitar
   
Acesse:





Greve dos Professores - Deputados comemoram decisão do STF que mantém piso de professores

07/04/2011 15:42


Deputados comemoram decisão do STF que mantém piso de professores

Conforme Supremo, o valor do piso salarial a ser pago a professores se refere apenas ao vencimento básico, sem contar vantagens ou gratificações. Decisão contraria interesse de governadores e prefeitos.



Saulo Cruz



Fátima Bezerra(PT-RN): não há como melhorar a educação sem investir em salário.O Supremo Tribunal Federal (STF) declarou ontem à noite a constitucionalidade de parte da lei que estabelece o piso salarial nacional dos professores, aprovada pelo Congresso em 2008 (Lei 11.738/08).

 A partir de agora, vale o entendimento de que o valor do piso, hoje fixado em R$ 1.187,97 mensais, se refere apenas à remuneração básica, sem incluir eventuais vantagens ou gratificações pagas aos docentes. Para a presidente da Comissão de Educação e Cultura, deputada Fátima Bezerra (PT-RN), a decisão foi histórica. “Estamos dando mais um passo para a tão sonhada melhoria da qualidade de ensino no País. Até porque é impossível pensar nisso sem investir na formação, na carreira e no salário do magistério”, disse.



O piso havia sido questionado em ação direta de inconstitucionalidade (ADI) impetrada por governadores de cinco estados (Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Ceará). A alegação era de que a lei violava o princípio da autonomia das unidades da Federação. Em decisão liminar, o STF chegou a suspender o dispositivo que determina que o piso corresponde ao vencimento básico do professor. Segundo Fátima Bezerra, municípios e estados vinham usando essa liminar para pagar menos que R$ 1.187,97 ao corpo docente.



Piso baixo

Apesar de elogiar a decisão de ontem do Supremo, Fátima Bezerra afirma que o valor mínimo a ser pago mensalmente aos professores da educação básica ainda é pequeno. O deputado Pauderney Avelino (DEM-AM) concorda: “Temos de buscar uma remuneração melhor, adequada para que os profissionais da educação supram suas necessidades básicas e voltem a sentir orgulho de sua profissão”.



Jorge Serejo



Pauderney Avelino: valor do piso ainda é baixo.Os parlamentares lembram que os critérios de remuneração dos professores serão discutidos na Câmara neste ano, durante a tramitação da proposta que define o Plano Nacional de Educação (PNE), com metas do setor para os próximos dez anos (PL 8035/10). O texto, enviado pelo Executivo, estabelece como um dos objetivos: aproximar o rendimento médio do profissional do magistério com mais de onze anos de escolaridade ao rendimento médio dos demais profissionais com escolaridade equivalente.



De acordo com Fátima Bezerra, a decisão do STF representa “um passo em direção às metas previstas no PNE”. Mas, para Avelino, os deputados precisam discutir mecanismos que garantam o cumprimento efetivo dessas regras. “Não adianta estabelecer metas se não as cumprimos”, afirmou.



O Plano Nacional de Educação será discutido por uma comissão especial destinada a tratar especificamente desse assunto. A instalação do colegiado acontecerá na próxima quarta-feira (13). O deputado Gastão Vieira (PMDB-MA) já adiantou que deverá ser o presidente da comissão e designar como relator-geral da proposta o deputado Angelo Vanhoni (PT-PR). Conforme Vieira, os temas específicos do PNE serão divididos em sub-relatorias, distribuídas proporcionalmente entre os partidos integrantes da comissão.



Carga horária

A sessão de ontem do Supremo foi interrompida sem que o tribunal decidisse definitivamente sobre outro dispositivo da lei do piso do magistério. Os governadores questionaram a reserva, prevista na Lei 11.738/08, de pelo menos 1/3 da carga horária dos professores para atividades extraclasse. Essa regra – que foi suspensa em decisão liminar – continuará não sendo aplicada enquanto o STF não julgar o mérito da matéria.



Fátima Bezerra, contudo, lembra que a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB – Lei 9.394/96) já determina que os professores têm direito a um período de estudos, planejamento e avaliação incluído na jornada normal de trabalho. A lei não define, porém, a reserva proporcional mínima a ser cumprida. “Apesar desse artigo ter ficado em aberto, isso não diminuiu o brilho da importante vitória que tivemos ontem. A legislação já garante um tempo para atividades fora da sala de aula. O mais importante, que era a reafirmação do piso em sua integralidade, foi conquistado”, comemorou a deputada.



Íntegra da proposta:

PL-8035/2010

Reportagem – Carolina Pompeu

Edição – Marcelo Oliveira
Fonte: http://www2.camara.gov.br/agencia/noticias/EDUCACAO-E-CULTURA/195385-DEPUTADOS-COMEMORAM-DECISAO-DO-STF-QUE-MANTEM-PISO-DE-PROFESSORES.html


Deputados virão ao Ceará fiscalizar implantação do Piso Salarial dos Professores

14/09/2011 20:13


Subcomissão vai fiscalizar implantação do piso dos professores



Beto Oliveira



Paulo Rubem Santiago: é preciso resolver impasse nos estados.Um grupo de deputados vai percorrer o País para saber como está a implantação do piso salarial dos professores (Lei 11.738/08) e dos planos de cargos e salários do magistério. A prioridade das visitas será para os estados onde a lei não está sendo cumprida ou está sendo questionada. Os parlamentares vão integrar uma subcomissão criada nesta quarta-feira pela Comissão de Educação e Cultura da Câmara.



O piso salarial atualmente é de R$ 1.187 para 40 horas semanais e vale para todos os professores do País que atuem da educação infantil ao ensino médio.



“A lei foi aprovada por unanimidade nesta Casa e é prerrogativa do Poder Legislativo zelar pelo cumprimento das leis aqui aprovadas”, disse a presidente da comissão, deputada Fátima Bezerra (PT-RN).



Os trabalhos da subcomissão vão começar por Minas Gerais e Ceará, onde há greve na rede pública de ensino. A paralisação das aulas nas escolas mineiras, que já dura mais de três meses, motivou o pedido de criação da subcomissão, de autoria do deputado Paulo Rubem Santiago (PDT-PE).



Para o deputado, a subcomissão pode contribuir para solucionar o impasse nesses estados. “O que não pode é vermos 60 dias, 90 dias de professores em greve, alunos sem aula, a educação prejudicada por força de um impasse que nós muito bem poderemos contribuir para que ele seja solucionado.”



Alguns deputados, no entanto, afirmaram que a Câmara não tem atribuição de mediar negociações entre grevistas e governos. Para o deputado Izalci (PR-DF), é preciso evitar um possível “uso político” da subcomissão. “Não podemos deixar que a comissão seja utilizada partidariamente.”



Os partidos indicarão os integrantes da subcomissão até quinta-feira (15), às 18 horas.



Íntegra da proposta:

PL-8035/2010

Reportagem – Ginny Morais/Rádio Câmara

Edição – Pierre Triboli

Fonte: http://www2.camara.gov.br/agencia/noticias/EDUCACAO-E-CULTURA/202590-SUBCOMISSAO-VAI-FISCALIZAR-IMPLANTACAO-DO-PISO-DOS-PROFESSORES.html

A GREVE DOS PROFESSORES EM BARBALHA CONTINUA

COMUNICADO DOS PROFESSORES DA REDE PÚBLICA  MUNICIPAL DE ENSINO DE BARBALHA AOS PAIS, ALUNOS E  A SOCIEDADE EM GERAL


O SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE BARBALHA-CE COMUNICA AOS ALUNOS E PAIS DE ALUNOS DAS ESCOLAS DE REDE PÚBLICA MUNICIPAL DE ENSINO E A SOCIEDADE BARBALHENSE QUE A GREVE DOS PROFESSORES DEFLAGRADA NO DIA 29 DE AGOSTO CONTINUA FIRME CONFORME DECISÃO DOS PROFESSORES NA ULTIMA ASSEMBLEIA REALIZADA DIA 19 DE SETEMBRO.

INFORMAMOS QUE A DECISÃO JUDICIAL PROFERIDA PELO TRIBUNAL DE JUSTIÇA QUE DETERMINA A SUSPENSÃO DA GREVE NÃO TEM SUSTENTAÇÃO JURÍDICA POR TER SIDO JULGADA POR UM TRIBUNAL INCOMPETENTE, ESCLARECENDO QUE CABE AO TRIBUNAL DO TRABALHO E NÃO AO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, JULGAR OS PROCESSOS DOS TRABALHADORES DA PREFEITURA DE BARBALHA QUE É REGIDA PELA CLT – CONSOLIDAÇÃO DAS LEIS DO TRABALHO. DESTA FORMA O SINDMUB JÁ ENTROU COM UM RECURSO JUNTO AO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA – STJ – EM BRASÍLIA.

ATÉ QUE SEJA PROFERIDA NOVA DECISÃO JUDICIAL OS PROFESSORES CONTINUARÃO EM GREVE E CONTAM COM O APOIO E A COMPREENSÃO DOS ALUNOS, DOS PAIS E DA SOCIEDADE BARBALHENSE.

AO CONTRÁRIO DO QUE ESTÁ SENDO DIVULGADO NO DIA DE HOJE 23 DE SETEMBRO, PELA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, OS PROFESSORES NÃO ESTÃO RECEBENDO AS VANTAGENS REIVINDICADAS PELA CATEGORIA, RAZÃO ESTA PELA QUAL PERMANECEM EM GREVE.

JÁ QUE O PREFEITO MUNICIPAL DIVULGA QUE JÁ ESTÁ CUMPRINDO O QUE DETERMINA A LEI FEDERAL E QUE É O MOVIMENTO DOS PROFESSORES ILEGAL E DIZ ESTAR ABERTO ÀS NEGOCIAÇÕES, A DIRETORIA DO SINDMUB CONVIDA-O DESDE JÁ A SE FAZER PRESENTE A ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA QUE SERÁ REALIZADA SEGUNDA FEIRA, DIA 26 DE SETEMBRO,  AS 8:00HS DA MANHÃ SO SALÃO PAROQUIAL DE BARBALHA A FIM DE PRESTAR SEUS ESCLARECIMENTOS DIRETAMENTE AOS PROFESSORES.



Barbalha,  23 de setembro de 2011

A Diretoria do SINDMUB

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Plenário aprova criação da Comissão Nacional da Verdade

O Brasil está mais próximo de ver esclarecidos os casos de violação de direitos humanos ocorridos durante a ditadura militar.




A Câmara aprovou, na noite desta quarta-feira, projeto que cria a Comissão Nacional da Verdade, que será vinculada à Casa Civil, composta por sete integrantes, com um prazo de dois anos para investigar os abusos ocorridos entre 1946 e 1988.



A votação da matéria foi marcada por um árduo processo de negociação, que envolveu os ministros da Justiça, da Defesa e da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.



Apesar de todos os esforços em torno de um consenso, integrantes do PSOL e a deputada Luiza Erundina, do PSB paulista, criticaram a urgência dada ao tema. Erundina considera que o resultado pode ser frustrante, já que a Lei de Anistia será mantida e a Comissão proposta apresenta diversas falhas.



"Você investigar um período de 42 anos, de 1946 a 1988, numa Comissão que só vai durar dois anos, composta por apenas sete membros, com a indicação desses membros de forma unilateral pela presidente da República, sem nenhuma consulta à sociedade ou aos familiares... O caráter da Comissão não pode ser memória e verdade, tem que ser também justiça. Não pode ter caráter sigiloso ou preservado, aquilo que vier a ser apurado tem que ser transparente, tem que ser público".



Mas o líder do PT, deputado Paulo Teixeira, avalia que a estrutura proposta no projeto do Executivo é suficiente para que a Comissão da Verdade desenvolva seu trabalho.



"Em relação ao número de pessoas que constam da Comissão: a comissão do Chile teve oito membros, a da Argentina, que teve 30 mil violações, teve 13 membros. Portanto, eu queria esclarecer que nós estamos votando um projeto histórico nesta noite, e dando uma contribuição para se escrever um trecho da história do Brasil que o Brasil não conhece, não foi escrito. Vamos agora nos debruçar sobre ele e entregar ao país os esclarecimentos daquele período e buscar o paradeiro dos desaparecidos para que suas famílias possam enterrá-los".



Sobre o longo período a ser investigado, o líder do PT explicou que os anos de 1946 a 1988 foram escolhidos por marcarem as duas Constituições brasileiras, mas destacou que o foco dos trabalhos ficará entre 1968 e o começo dos anos 80, quando foram praticadas as violações.



O relator do projeto, deputado Edinho Araújo, do PMDB paulista, não fez alterações no texto enviado pelo Executivo, mas com o acordo em Plenário acatou três destaques apresentados pelo DEM, PPS e PSDB.



Por sugestão dos tucanos, por exemplo, qualquer cidadão poderá buscar o grupo para levar informações, mesmo que não tenha sido convocado.



O projeto que cria a Comissão Nacional da Verdade ainda será analisado pelos senadores. Caso não haja mudanças, segue para sanção presidencial.



De Brasília, Mônica Montenegro



quinta-feira, 22 de setembro de 2011
Fonte: http://www.camara.gov.br/internet/radiocamara/default.asp?lnk=0100-PLENARIO-APROVA-CRIACAO-DA-COMISSAO-NACIONAL-DA-VERDADE-0311&selecao=MAT&materia=127115&programa=41

Dependentes de policiais e bombeiros mortos no cumprimento do dever poderão ter direito a indenização


Dependentes de policiais e bombeiros militares, policiais rodoviários, policiais federais e policiais civis mortos no cumprimento do dever, terão direito a indenização de valor correspondente a três meses da última remuneração desses profissionais.




É o que determina projeto (5.017/2005), do ex-deputado Cabo Júlio, aprovado, nesta quarta-feira, na Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado.



O relator, deputado Otoniel Lima, do PRB de São Paulo, aproveitou em seu texto substitutivo, sugestões de vários outros projetos apensados ao original.



Pelo parecer aprovado, os dependentes terão direito à indenização ainda que que os profissionais tenham sido alvo de ação criminosa, motivada pelo simples fato de serem policiais ou bombeiros. Ou ainda que tenham sido vítimas quando em ação, mesmo que fora do serviço.



É previsto ainda que a indenização poderá ser substituída, a critério de cada estado ou do Distrito Federal, por um seguro.



De acordo com o relator, deputado Otoniel Lima, o espírito das propostas apensadas ao projeto do ex-deputado Cabo Júlio, busca oferecer melhoria das condições de trabalho e de segurança aos profissionais da área.



Otoniel Lima justificou as alterações feitas em relação à proposta original.



"Porque nós temos aí inúmeras situações de policiais que foram alvejados por organização criminosa, ou que se envolveram em acidentes com a viatura em perseguição, em patrulhamento, e o policial, por sua vez, ficando afastado, ele tem que custear no caso de medicamento, isso, se no caso, o policial não falecer... E nesse relatório,.. aproveitando os projetos que estavam apensados a esse projeto do deputado Cabo Júlio, apresentamos um substitutivo incluindo nesse projeto também a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal, que também faz parte do quadro de Segurança Pública e que corre praticamente o mesmo risco, no combate ao crime organizado..."



O projeto que prevê indenização aos dependentes de policiais e bombeiros mortos ainda vai ser apreciado pelas comissões de Trabalho, de Finanças e Tributação e de Constituição e Justiça.



De Brasília, Paulo Roberto Miranda



quarta-feira, 21 de setembro de 2011


Fonte: http://www.camara.gov.br/internet/radiocamara/default.asp?selecao=MAT&Materia=127105

terça-feira, 20 de setembro de 2011

GUERREIRO MENINO (Fagner)

AGORA SOMOS NÓS: NA FITA E NA RUA!!!

por: Hildegardis Ferreira

Contribuição: Dea Olma

Se existe uma luta na sua cidade em defesa dos Professores, não se abstenha, participe, ajude a defender essa classe que tanto contribui para desenvolvimento da nossa sociedade.


Participe, vá às ruas com "eles", ajude a construir um novo caminho para nossos filhos e netos, onde a dignidade é bandeira necessária nessa construção de valores e ensinamentos.

Não há mais o que temer, vamos à luta, seja mais um, leve sua família, seus amigos.

Não podemos ficar refém desses políticos violentadores da ética, moral e que continuam atropelando a tão sonhada vontade de acertar do nosso povo.

Como diz a juventude: "AGORA SOMOS NÓS: NA FITA E NA RUA!!!"

Fotos: Sindmub - Greve dos Professores Municipais de Barbalha(Ce) 19/Set/2011.

Só de Sacanagem!

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Barbalha - A Greve continua companheir@s

"Já completou o meu tempo de aposentadoria, 
mas eu tenho vergonha de me aposentar com esse sálário, 
vou continuar lutando...."

por: Hildegardis Ferreira

A Greve continua!!!!!


Foi esse o resultado da Assembleia dos Professores do Município de Barbalha(Ce) nessa segunda-feira, pela manhã, onde 99,9% dos professores presentes votaram pela permanência da greve, diante da postura extremista e coronelesca do Prefeito Municipal de Barbalha, Sr. José Leite ao fechar o canal de negociação com os Professores do Município, recorrendo à Justiça pela ilegalidade da Greve, tentando  esvaziar o movimento e desmoralizar a Classe com afirmativas inverídicas, onde quer provar que as reivindicações já estão sendo atendidas e muito mais, dizer, que os alunos estão sendo prejudicados por não estarem recebendo a merenda escolar, é uma tentativa de colocar as famílias contra os nossos professores.

Hojé à noite o movimento continua na Câmara Municipal de Barbalha e na manhã da próxima quarta-feira (08:00h), haverá uma caminhada pela cidade, que aproveitamos para convidar os alunos e pais de alunos em defesa dessa tão importante e necessária categoria, que tanto engrandece a nossa sociedade.
Portanto, precisamos contribuir e ajudar esse movimento, provocando uma grande Lição de Cidadania da nossa sociedade para com os políticos dominantes.

É nosso dever, fazer ecoar as vozes daqueles que clamam por justiça e entendo que OUVIR A PALAVRA DE UM PROFESSOR, É OUVIR ECOS DA VOZ DE DEUS.


sábado, 17 de setembro de 2011

Tortura no Brasil

 

Pinheiro Salles: Foram 130 centros de tortura no Brasil

Anistia e Comissão da Verdade

por Pinheiro Salles*, sugestão da Hosana Gomides da Silva Gouveia

Quando são comemorados 32 anos da Anistia, neste 28 de agosto (2011), às 7h30 da manhã eu me interno no Hospital Anis Rassi, em Goiânia, para uma cirurgia considerada de “alta complexidade” (colocação de prótese articular bilateral). O objetivo é a superação de seqüelas das torturas a que fui submetido durante a ditadura militar. Não nego a apreensão, mas tenho consciência da dimensão do procedimento, porque há o dever de tentar garantir a minha fala, para nunca me calar sobre os horrores testemunhados ao longo dos meus nove anos de cárcere.

A Lei da Anistia (6.683), de 28 de agosto de 1979, foi uma conquista democrática do povo brasileiro, apesar das restrições resultantes de acordos precipitados. Sabe-se que as greves operárias já desafiavam a truculência dos generais. Estudantes ocupavam universidades, o pesado silêncio era quebrado pelos intelectuais. Os presos políticos recorriam à greve de fome. Pressões internacionais chegavam aos ouvidos da população.

A repressão já não conseguia impedir as manifestações populares. Mas, ainda assim, conciliadores líderes da oposição aceitaram se sentar com representantes dos ditadores e acatar limites para a anistia que se consolidava nas ruas. Isso provocou uma situação esdrúxula, respaldando a petulância dos governantes, que somavam argumentos para a falácia de concessões liberalizantes do regime. E, assim, mais uma vez o povo se tornou vítima do espúrio massacre ideológico perpetrado à sombra do terrorismo oficial.

Lembre-se que, desde os primeiros momentos do golpe de Estado, o Exército e seus aliados vinham fechando universidades, perseguindo, cassando mandatos eletivos, prendendo, torturando, matando, desrespeitando os direitos humanos mais elementares. Arrastaram o ex-deputado federal Gregório Bezerra pelas ruas de Recife, convocando os transeuntes para a solenidade de “enforcamento do comunista”.
Mesmo deste jeito, porém, houve partido político, ligado à antiga União Soviética, com a ilusão de “resistência pacífica”, até acreditando em apoio de segmentos nacionalistas das Forças Armadas. Os nossos equívocos políticos, portanto, vêm de muito longe.

Não começaram com as traições de Nelson Jobim no Ministério de Defesa dos governos Lula e Dilma, quando ele se afirmou como porta-voz dos militares fiéis à fascista doutrina de Segurança Nacional e procurou fazer o jogo belicista do império norte-americano. Entre 31 de março de 1964 e 15 de março de 1985, sob todos os aspectos, o Brasil experimentou um doloroso retrocesso.

Cerca de 130 centros de tortura foram instalados pelo governo fardado. Suplícios indescritíveis, genocídios, decapitações, esquartejamentos: 479 mortos e desaparecidos. Dentre eles, em Goiás, registramos: Arno Preis, Cassimiro Luiz de Freitas, Divino Ferreira de Souza, Durvalino Porfírio de Souza, Honestino Monteiro Guimarães, Ismael Silva de Jesus, James Allen Luz, Jeová de Assis, José Porfírio de Souza, Márcio Beck Machado, Marco Antônio Dias Batista, Maria Augusta Thomaz, Ornalino Cândido, Paulo de Tarso Celestino e Rui Vieira Bebert.

Ao contrário de outros países que também conheceram regimes autoritários, como Alemanha, Itália, Chile, Argentina e Uruguai, aqui não foram punidos aqueles que cometeram crimes contra a humanidade. E todos sabemos que a corrupção generalizada, a banalização da violência, os maus-tratos nas delegacias de polícia, a ousadia dos grupos de extermínio e outras aberrações da sociedade capitalista, na conjuntura atual, estão em estreita sintonia com a impunidade.

Agora, quando se luta pela Comissão da Verdade, cujo Projeto de Lei foi encaminhado ao Congresso Nacional em 20 de maio de 2010, mais do que nunca se torna imprescindível a mobilização popular. É que queremos conhecer a nossa história, recuperar a memória, valorizar a resistência do povo, quebrar os sigilos eternos, abrir todos os arquivos da repressão, obter informações concretas sobre as torturas, as mortes e os desaparecimentos.

Mais que isso: para resgatar a nossa dignidade e a honra de nossa pátria, queremos apurar os crimes da ditadura e punir os culpados. Se a Comissão Nacional da Verdade não nos possibilitar esses encaminhamentos, ela nada mais será que a Comissão da Frustração. E aí teremos de nos contentar com um provérbio africano: “Até que os leões tenham seus próprios historiadores, as histórias das caçadas continuarão glorificando os caçadores”.

Apesar de tudo, o povo saberá construir o seu destino.

*Pinheiro Salles, jornalista, é autor de “Confesso que peguei em armas” (editora da Universidade Federal de Goiás) e de mais três livros sobre a ditadura militar no Brasil, dentre outros. Passou nove anos nos cárceres do Rio Grande do Sul e de São Paulo.
Fonte http://www.viomundo.com.br/politica/pinheiro-salles-foram-130-centros-de-tortura-no-brasil.html

Marcelo Zelic: Verdade a serviço da impunidade



Caros Azenha e Conceição Lemes, no Brasil a verdade foi colocada a serviço da impunidade,via e-mail
A negativa do governo em cumprir a sentença da Corte Interamericana de Direitos Humanos sobre o caso Araguaia e rever os impedimentos legais que ferem a cidadania e os direitos humanos, negando acesso à justiça àqueles que desejarem processar torturadores e assassinos da ditadura militar, reafirmando a posição do STF na ADPF 153 que interpretou a lei de Anistia de 79 como sendo de dupla mão, é um acinte.

No Congresso Nacional na Comissão de Relações Exteriores mais um golpe a favor da impunidade será dado. O PL da Deputada Luiza Erundina será enterrado amanhã. O voto do substitutivo produzido pelo Deputado Ivan Valente, não foi levado em consideração e as chances dele ser aprovado são ínfimas.

Expresso aqui posição e exijo o CUMPRA-SE.

Enquanto nos mobilizamos para discutir a criação da Comissão da Verdade o prazo da sentença que condenou o Brasil por crimes de lesa-humanidade se expira e as forças políticas que poderiam atuar se perdem no caminho proposto para abafar, para esconder, para enganar a sociedade sobre a condenação que sofremos.

PELA APROVAÇÃO DO PL da DEPUTADA LUIZA ERUNDINA.
PELO CUMPRIMENTO INTEGRAL DA SENTENÇA DA OEA SOBRE OS CRIMES DA DITADURA CIVIL-MILITAR.
PELA COMISSÂO DA VERDADE COM JUSTIÇA (e isso só será fato se por justiça entendermos não algo teórico e sim o cumprimento dos pontos que nos condenaram enquanto nação e fundamentamentalmente a desobristrução da justiça para que torturadores sejam processados).
Não há direitos humanos pela metade, ou temos compromisso com ele ou não.

O Governo Dilma está em cheque neste campo.

Abraços
Marcelo Zelic
Vice-presidente do Grupo Tortura Nunca Mais-SP e membro da Comissão Justiça e Paz da Arquidiocese de São Paulo
Coordenador do Projeto Armazém Memória
Leia também:
Pinheiro Salles: Foram 130 centros de tortura no Brasil

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Prefeitura de Barbalha na mira do Ministério Público Federal

MP vai investigar Caps de Barbalha que nunca funcionou


A fachada do prédio foi pintada, compraram gêneros alimentícios, no entanto, o Caps nunca funcionou.

Por: Roberta Farias



Encontra-se em fase de análise a denúncia protocolada no Ministério Público Federal (MPF), Procuradoria de Juazeiro do Norte, que remete ao não funcionamento da unidade do Centro de Atenção Psicossocial - Álcool e Drogas (Caps-AD), de Barbalha, que deveria prestar atendimento aos dependentes químicos, mas nunca funcionou.



“Já são quase R$ 1 milhão repassados até o momento. Queremos saber quem está gerindo esse dinheiro, onde ele está e quando poderá ser usado em benefício da população. Por isso, pedimos ao MPF que investigue essa situação e tome providências o mais breve possível”, cobra o vereador Rildo Teles (PSL), autor da denúncia inicial feita na Câmara, no último mês de junho, somente encaminhada ao MPF no último dia 17, por conta do recesso parlamentar. Um requerimento feito em nome do Legislativo também cobra explicações da administração municipal.



De acordo com Rildo, “foram gastos R$ 90 mil em licitação, o Município vem pagando aluguel desde 2009. A fachada do prédio foi pintada, compraram gêneros alimentícios, no entanto, o Caps nunca funcionou”, protesta.



Leia a matéria completa na edição desta semana do Jornal do Cariri

http://www.cearaagora.com.br/noticias/interior/mp-vai-investigar-caps-de-barbalha-que-nunca-funcionou

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Vereadores de Barbalha e a Ajuda de Transporte

Imagens mostram os participantes da 1ª Corrida contra a Corrupção, realizada em dezembro na Esplanada dos Ministérios. Fotos: Valter Campanato/Agência Brasil

por: Hildegardis Ferreira

Ao receber e-mail com Diário Oficial da Câmara Municipal de Barbalha do dia 06 de Setembro, verifiquei um absurdo no tocante ao "zelo" com o dinheiro público.


Vereadores recebem uma Ajuda Mensal de R$ 800,00 (oitocentos reais) para se locomoverem de suas residências até a Câmara Municipal, gerando uma Despesas Mensal de R$ 8 Mil Reais aos cofres públicos.
Fazem uma reunião por semana e já estão prestes a aprovar o aumento das reuniões.

A próxima composição da Câmara Municipal deverá ir para 15 (quinze) Vereadores, aumentando mais ainda essa despesas desnecessária que somará em 12 Mil reais ou R$ 24 Mil reais caso seja aprovado o aumento para duas reuniões por semana.

Não podemos concordar com essa Resolução Nº 05/2010, pois entre os Vereadores, um deles pode, ao sair de casa, colocar o carro em "ponto-morto", que "ele" chega na Câmara sem gastar uma gôta de gasolina.

Vamos acompanhar, também, essas Ajudas de Custos para Viagem à Fortaleza, pois é prática de muitos Vereadores do Brasil, aproveitar o "Feriadão" na Beira-mar com dinheiro do Povo, outros vão até ao exterior.
Acompanhe:
,
06092011.pdf06092011.pdf
255K   Visualizar   Baixar  

Demais edições podem ser acompanhadas no site www.camaradebarbalha ce.gov.br

terça-feira, 6 de setembro de 2011

A Mulher e os Direitos Humanos

A Carta da Terra

Ficha Limpa em Perigo


Assine Petição:


A Ficha Limpa está em perigo -- o STF pode julgar a lei inconstitucional e dar margem para que centenas de políticos condenados se candidatem às eleições. A corte está dividida, mas em breve a Presidente Dilma irá nomear um novo Ministro que terá o voto decisório -- vamos fazer um apelo urgente para que ela escolha alguém que seja um campeão contra corrupção! Mobilize-se agora! 

Fonte: avaaz@avaaz.org

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Leonardo Boff - Educar para a celebração da vida e da Terra

Leonardo BoffLeonardo Boff


Qui, 01 de Setembro de 2011 13:04



Dada a crise generalizada que vivemos atualmente, toda e qualquer educação deve incluir o cuidado para com tudo o que existe e vive. Sem o cuidado, não garantiremos uma sustentabilidade que permita o planeta manter sua vitalidade, os ecossistemas, seu equilíbrio e a nossa civilização, seu futuro. Somos educados para o pensamento crítico e criativo, visando uma profissão e um bom nivel de vida, mas nos olvidamos de educar para a responsabilidade e o cuidado para com o futuro comum da Terra e da Humanidade. Uma educação que não incluir o cuidado se mostra alienada e até irresponsável. Os analistas mais sérios da pegada ecológica da Terra nos advertem que se não cuidarmos, podemos conhecer catástrofes piores do que aquelas vividas em 2011 no Brasil e no Japão. Para se garantir, a Terra poderá, talvez, ter que reduzir sua biosfera, eliminando espécies e milhões de seres humanos.



Entre tantas excelências, próprias do conceito do cuidado, quero enfatizar duas que interessam à nova educação: a integração do globo terrestre em nosso imaginário cotidiano e o encantamento pelo mistério da existência. Quando contemplamos o planeta Terra a partir do espaço exterior, surge em nós um sentimento de reverência diante de nossa única Casa Comum. Somos insepráveis da Terra, formamos um todo com ela. Sentimos que devemos amá-la e cuidá-la para que nos possa oferecer tudo o que precisamos para continuar a viver.



A segunda excelência do cuidado como atitude ética e forma de amor é o encantamento que irrompe em nós pela emergência mais espetacular e bela que jamais existiu no mundo que é o milagre, melhor, o mistério da existência de cada pessoa humana individual. Os sistemas, as instituições, as ciências, as técnicas e as escolas não possuem o que cada pessoa humana possui: consciência, amorosidade, cuidado, criatividade, solidariedade, compaixão e sentimento de pertença a um Todo maior que nos sustenta e anima, realidades que constituem o nosso Profundo.



Seguramente não somos o centro do universo. Mas somos aqueles seres, portadores de consciência e de inteligência. pelos quais o próprio Universo se pensa, se conscientiza e se vê a si mesmo em sua esplêndida complexidade e beleza. Somos o universo e a Terra que chegaram a sentir, a pensar, a amar e a venerar. Essa é nossa dignidade que deve ser interiorizada e que deve imbuir cada pessoa da nova era planetária.



Devemos nos sentir orgulhosos de poder desempenhar essa missão para a Terra e para todo o universo. Somente cumprimos com esta missão se cuidarmos de nós mesmos, dos outros e de cada ser que aqui habita.



Talvez poucos expressaram melhor estes nobres sentimentos do que o exímio músico e também poeta Pablo Casals. Num discurso na ONU nos idos dos anos 80 dirigia-se à Assembléia Geral pensando nas crianças como o futuro da nova humanidade. Essa mensagem vale também para todos nós, os adultos. Dizia ele:



A criança precisa saber que ela própria é um milagre, saber, que desde o início do mundo, jamais houve uma criança igual a ela e que, em todo o futuro, jamais aparecerá outra criança como ela. Cada criança é algo único, do início ao final dos tempos. E assim a criança assume uma responsabilidade ao confessar: é verdade, sou um milagre. Sou um milagre do mesmo modo que uma árvore é um milagre. E sendo um milagre, poderia eu fazer o mal? Não. Pois sou um milagre. Posso dizer Deus ou a Natureza, ou Deus-Natureza. Pouco importa. O que importa é que eu sou um milagre feito por Deus e feito pela Natureza. Poderia eu matar alguém? Não. Não posso. Ou então, um outro ser humano que também é um milagre como eu, poderia ele me matar? Acredito que o que estou dizendo às crianças, pode ajudar a fazer surgir um outro modo de pensar o mundo e a vida. O mundo de hoje é mau; sim, é um mundo mau. E o mundo é mau porque não falamos assim às crianças do jeito que estou falando agora e do jeito que elas precisam que lhes falemos. Então o mundo não terá mais razões para ser mau.



Aqui se revela grande realismo: cada realidade, especialmente, a humana é única e preciosa mas, ao mesmo tempo, vivemos num mundo conflitivo, contraditório e com aspectos terrificantes. Mesmo assim, há que se confiar na força da semente. Ela é cheia de vida. Cada criança que nasce é uma semente de um mundo que pode ser melhor. Por isso, vale ter esperança. Um paciente de um hospital psiquiátricoque visitei, escreveu, em pirografia, numa tabuleta que ma deu de presente:"Sempre que nasce uma criança é sinal de que Deus ainda acredita no ser humano". Nada mais é necessário dizer, pois nestas palavras se encerra todo o sentido de nossa esperança face aos males e às tragédias deste mundo.



Leonardo Boff é autor de "Cuidar da Terra-proteger a vida",Record, Rio de Janeiro 2010

Fonte: http://socialismo.org.br/portal/

Curso Teatro: Conexões Contemporâneas


Indicação: Vanessia Gomes

A Escola Pública de Teatro inicia suas atividades com o curso Teatro: Conexões Contemporâneas. O curso, elaborado a partir de encontros públicos que discutiram o panorama e os caminhos da formação teatral em Fortaleza, pretende estimular a reflexão e o exercício de teatro de grupo, além de provocar o intercâmbio de saberes entre pesquisadores e artistas locais e de outras cidades do Brasil e exterior.




Edital Aberto

1. Edital Curso Teatro: Conexões Contemporâneas (PDF 68KB)



As inscrições serão realizadas, exclusivamente, pela Internet, no endereço eletrônico www.fortaleza.ce.gov.br/imparh, de 24 de agosto a 11 de setembro de 2011.

Saiba mais: http://www.fortaleza.ce.gov.br/editaisviladasartes/teatro.html

sábado, 3 de setembro de 2011

As Músicas Finalistas do FEMUB


MÚSICAS FINALISTAS DO VI FEMUB

1 - MEU RADAR
Noquinha/João Paulo
Interpretação: João Paulo

2 - O TEMPO
Toinho/Tiago/P.César
Interpretação: TOINHO

3 - ÁLBUM DE FOTOGRAFIAS
Sávio Menezes/Totonho de Salú
Interpretação: Sávio Menezes

4 - CANTIGA PRA NINAR BARBALHA
Ney Alencar
Interpretação: Ney Alencar

5 - GAMETAS DO CORAÇÃO
Hildegardis Ferreira/Fernandinho Ferreira
Interpretação: João Emanuel 

6 - LEVA EU
Hildegardis Ferreira
Interpretação: Carlinhos de Deus

7 - VIDA
Layla Coelho Luna
Interpretação: Joseane Pereira dos Santos

8 - DÚVIDAS DO AMÔR
Mariana Correia
Interpretação: Mariana Correia

Lista por ordem de apresentação na Final.

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

EU, o câncer e meus cabelos!!!



Isa Rodrigues

por: Isailde da Cruz Rodrigues(*)

Antes do completo suicídio capilar, finalmente a perda de ontem...cortei os cabelos! Cortei nãoooo! Tosaram mesmo! Marcleide que fez um curso pelo youtube e Aline como assessora. Se os meus cabelinhos eram no queixo, agora eles estão na altura da orelha. Quando minha cabeleireira fez aquele famoso NHACO com a tesoura (desconfio que seja tesoura de unha), eu jurava que ia morrer! Confesso que chorei antes, bem antes de vê a tesoura e a maquininha. Chorei quando vi aquela reunião: Meuriclete, Aline e minha mãe. Me senti num campo de concentração. Foi um choro rápido, de despedida dos meus cabelinhos e medo de vê o resultado: minha cabeça, um misto de cearense com piauiense e fazendo uma base pela cabeça do meu pai... Ai, ai...(risos)

E a medida que as minhas madeixas iam rolando cadeira abaixo, minhas lágrimas iam secando e deu até pra divertir com a cena inusitada. Foi tudo calminho ao som da Flávia Wenceslau - “Você que vai chegar”. Nada daquela tristeza da música da Carolina Dieckmann em laços de família, nan. A música que eu escolhi tem uma parte que se encaixa com minha vida atual: Um nascimento, aliás, um renascimento, logo minha mãe me disse que nasci toda carequinha...rs

C-a-r-e-c-a? Sem dúvida é o grande receio das mulheres pra esse tipo de tratamento. Mexe com a vaidade, só num mexe com o bolso (nada de xampu, nem escova, nem cremes). Mas, é uma sensação muito estranha, um ventinho fresco nas idéias, um misto de liberdade com falta de alguma coisa. E o olhar no espelho? Outra adrenalina. É um eu que num sou eu, mas no fundo sou eu...(juro que não bebo nem fumo). Mas, é uma crise de identidade com analista pago. Me vi várias vezes. As primeiras pareciam um menino da FEBEM (ô nega que raspa ruim) e mesmo parecendo um chokito, fiquei feliz pelo formato da cabeça: Eu nua e crua!! (até jeitosinha!!). M-a-s, não há nada que explique o banho sem cabelo. Gente do céu, a chuveirada diretamente no cocoroto é sensacional. Diante de todos os pesares: E num é que tá pintando uma simpatia?

E agora com todos os modelos Calva Klein. Comprei um monte de lencinhos e coisinhas pra proteger minha carequinha. E hoje foi meu primeiro dia de “desfile”  de Jade ou do Nemo (ai que dúvida). Um passeio engraçado. Impressionante como o novo choca. E diante de muitos olhares com aquela cara de "ai, tadinha, tá dodói", a maioria me cedia espaço. Deixam-me passar bacana.

Ensinamento do dia: Não há filas pra quem usa lenços.

Logo eu que adoro uma regalia...Ai, se eu fosse bandida!!

Beijo grande e obrigada pelo carinho.

Ahh, adorei esse texto:
Uma mulher acordou uma manhã após a quimioterapia , olhou no espelho e percebeu  que tinha somente três fios de cabelo na cabeça.
- Bom (ela disse), acho que vou trançar meus cabelos hoje.
Assim ela fez e teve um dia maravilhoso.
No dia seguinte ela acordou, olhou no espelho e viu que tinha somente dois fios de cabelo na cabeça..
- Hummm (ela disse), acho que vou repartir meu cabelo no meio hoje.
Assim ela fez e teve um dia magnífico.
No dia seguinte ela acordou, olhou no espelho e percebeu que tinha apenas um fio de cabelo na cabeça.
- Bem (ela disse), hoje vou amarrar meu cabelo como um rabo de cavalo.
Assim ela fez e teve um dia divertido.
No dia seguinte ela acordou, olhou no espelho e percebeu que não havia um único fio de cabelo na cabeça.
- Yeeesss… (ela exclamou), hoje não tenho que pentear meu cabelo.
ATITUDE É TUDO!
Seja mais humano e agradável com as pessoas.
Cada uma das pessoas com quem você convive está travando algum tipo de batalha.
Viva com simplicidade.
Ame generosamente.
Cuide-se intensamente.
Fale com gentileza.
E, principalmente, não reclame.
Se preocupe em agradecer pelo que você é, e por tudo o que tem!
E deixe o restante com Deus.


(*) Formada em Letras(URCA), Empresária e continuando a sonhar...
contato: isailde1@hotmail.com
Saiba mais: EU e o câncer
.

Cais Bar - 6ª Festa


Milagre em Brasília...


Milagre em Brasília...


O deputado federal José Antonio Reguffe (PDT-DF), que foi proporcionalmente o mais bem votado do país com 266.465 votos, com 18,95% dos votos válidos do DF, estreou na Câmara dos Deputados fazendo barulho. De uma tacada só, protocolou vários ofícios na Diretoria-Gera...l da Casa. Abriu mão dos salários extras que os parlamentares recebem (14° e 15° salários), reduziu sua verba de gabinete e o número de assessores a que teria direito, de 25 para apenas 9. E tudo em caráter irrevogável, nem se ele quiser poderá voltar atrás. Além disso, reduziu em mais de 80% a cota interna do gabinete, o chamado “cotão”. Dos R$ 23.030 a que teria direito por mês, reduziu para R$ 4.600. Segundo os ofícios, abriu mão também de toda verba indenizatória, de toda cota de passagens aéreas e do auxílio-moradia, tudo também em caráter irrevogável. Sozinho, vai economizar aos cofres públicos mais de R$ 2,3 milhões (isso mesmo R$ 2.300.000,000) nos quatro anos de mandato. Se os outros 512 deputados seguissem o seu exemplo, a economia aos cofres públicos seria superior a R$ 1,2 BIlhão. “A tese que defendo e que pratico é a de que um mandato parlamentar pode ser de qualidade custando bem menos para o contribuinte do que custa hoje. Esses gastos excessivos são um desrespeito ao contribuinte. Estou fazendo a minha parte e honrando o compromisso que assumi com meus eleitores”, afirmou Reguffe em discurso no plenário. ................ Quantos cearenses poderiam seguir este exemplo??


Todos por Dandara!!!


 Ajude a Danddara em seu tratamento contra o câncer.
Banco do Brasil
Agência - 2308-6

Conta Corrente - 5272-8
José Felinto Furtado e Geralda Gonçalves Ribeiro Furtado.

Homenagem a Luiz Gonzaga