quinta-feira, 28 de julho de 2011

Espetáculo CORTEJO DE CARETAS



Hora
domingo, 31 de julho · 20:00 - 20:30

Localização
Centro Cultural Dragão do Mar

por

Mais informações
Você conhece o TEATRO DE CARETAS?

Um grupo de teatro de rua de Fortaleza que já foi contemplado por diversos editais do Ministério da Cultura e em editais locais. Participou do Festival Nacional de Teatro de Rua de Angra dos Reis; Festival de Teatro de Guaramiranga; Mostra Cariri e Semana da Brasilidade (festival organizado pelo MINC), entre outros.


O Grupo atua em espaços abertos não convencionais há 10 anos. Investiga formas contemporâneas teatrais à luz dos mestre do corpo e da dança. Reconhecendo o valor simbólico dos mitos que estão presentes nas artes populares. Neste domingo estaremos realizando a apresentação do espetáculo/performance CORTEJO DE CARETAS. 20h. Centro Cultural Dragão do Mar

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Hacker que invadiu e-mail de Dilma diz que tentou avisá-la



O hacker que violou o e-mail da presidente Dilma Rousseff e o do ex-ministro José Dirceu (Casa Civil) afirmou que tentou avisar o Palácio do Planalto sobre a fragilidade da conta eletrônica, mas não teve sucesso.

O hacker, que se identifica como Douglas Lopes, criou uma conta no microblog Twitter (@douglaslopesweb) no dia 19 de julho e conversou com a reportagem por e-mail nos últimos dias.
Ele escreveu ontem: “Tentei avisar a #dilma sobre a vulnerabilidade do e-mail e do site do PT. Não acreditaram em mim. Fui até no Palácio do pl [Planalto].”

A Folha revelou em 30 de junho que Douglas invadiu o correio eletrônico pessoal de Dilma durante a campanha de 2010. Copiou e-mails que ela recebeu e tentou vendê-los a partidos de oposição.
Também ofereceu as mensagens à reportagem, que rechaçou a proposta e noticiou a invasão do e-mail.
Fonte: http://congressoemfoco.uol.com.br/

Manassés & convidados em Feitiço Mineiro

 
Show Feitico Mineiro, ja' LOTADO. Gracas a DEUS.
 

Guerrilha do Ato Dramático Caririense - Convite

    Por Cacá Araújo

Convite às companhias e grupos de teatro e dança que integram a Guerrilha do Ato Dramático Caririense, extensivo a novos grupos ou coletivos atuantes no Cariri cearense que desejem integrar o movimento.

Para maiores informações, ligue: (88) 8810.0897 ou (88) 9960.4466 (Cacá Araújo - Coordenador Geral)

Ter Cara de Cearense é nosso orgulho


“Gente, quem é Pablo Vilaça? Essa pessoa se intitula critico de cinema, tem cara de cearense, percebi que ele quer 5 minutos de fama. Pablo Vilaça, nem me dei o trabalho de ver se o seu portal é do Ceará..."
(Antonia Fontenelle)
por: Hildegardis Ferreira

Repudiamos com veemência a tentativa de deboche da atriz Antonia Fontenelle, mulher de Marcos Paulo, diretor do longa “Assalto ao Banco Central”, quando não aceitou as críticas do jornalista mineiro Pablo Villaça, do portal Cinema em Cena, sobre o filme citado.

Nós Caririense do Ceará não podemos concordar com a "bestificação" das palavras dessa atriz, que tem a sorte de se chamar ANTONIA, um nome tão cearense quanto Cícero(a) e Francisco(a), e que deveria ser motivo de orgulho, carregar consigo marcas de um povo símbolo de resistência, poesia e determinação, assim como Raquel de Queiroz, Bárbara de Alencar, Maria da Penha e muitas e muitas outras mulheres que são fundamentais na constituição e grandeza da nosssa gente.

Como Cearense autênticos que somos, entedemos que a culpa não é dessa pobre atriz e sim daqueles   que acham que basta a fundamental beleza e um "diretor" ao lado.

terça-feira, 26 de julho de 2011

Caldas Fest - Lista pronta antes da hora?



Barbalha-CE: Promotores de festival antecipam data para seleção de concorrentes

Inicialmente, a Rumos Artes Visuais teria confirmado que as inscrições para o certame continuariam até o dia 26 de junho pela internet.

Um fato que chamou a atenção de músicos e compositores do Cariri foi a publicação da lista de classificados para o 1º Caldas Fest, festival de músicas que ocorrerá somente em agosto no Balneário do Caldas, em Barbalha. De acordo com o edital do evento, publicado pela empresa J.A.Lima Produções, em nota no Caderno 3 do Jornal Diário do Nordeste do dia 20 de maio de 2011, com a manchete “I Caldas Fest divulga lista de selecionados”, adiantava que a Rumos Artes Visuais estaria confirmando que as inscrições para o certame continuariam até o dia 26 de junho pela internet, pairou dúvidas em muitos, pois a lista das músicas classificadas foi divulgada antes do término para o prazo das inscrições. Antes, uma cláusula do edital também foi questionada. Músicos da região teriam reivindicado à comissão organizadora da mostra competitiva do Caldas Fest o direito de participação de artistas ligados ao quadro de funcionários da Prefeitura Municipal de Barbalha e demais municípios do Cariri, o que foi prontamente aceito. Coincidentemente, os responsáveis pela alegativa tiveram suas músicas incluídas na lista das 20 selecionadas.
A nota publicada no DN do dia 20 de maio dizia que “ as inscrições deveriam ser feitas pelo correio e enviadas, obrigatoriamente por SEDEX com AR para o endereço da J.A.Lima Produções, na Rua João Cordeiro, 2391 – A- Altos – Joaquim Távora – Fortaleza, Ceará, acrescentando que as inscrições poderiam ser feitas até o dia o dia 26 de junho de 2011, pela internet. No site (www.itaucultural.com.br/rumos) e a [ultima postagem devendo ser feita até o dia 27 do mesmo mês para Av, Paulista, 149, Metrô Brigadeiro. Contato (11) 2168-1776/1777
Por Josélio Araújo

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Políticas para as Juventudes


Helena Martins/PSOL-Ceará

Mil jovens marcham hoje em Fortaleza em defesa de políticas para as juventudes

Na manhã desta segunda-feira, 25, Dia do Trabalhador Rural, mil jovens integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, do Movimento dos Atingidos por Barragens, da Central de Movimentos Populares, bem como integrantes dos povos do mar e indígenas marcham sobre Fortaleza, em direção à Secretaria de Juventude do Governo do Estado do Ceará, sediada no Palácio de Iracema.

Os jovens cobram do governo a ampliação das políticas públicas para o setor, como geração de emprego, pontos de cultura para os assentamentos e ampliação do acesso à internet no Interior do Estado. Reivindicam, ainda, moradia nas cidades, demarcação das terras do indígenas e a paralisação de empreendimentos que atingem diretamente os modos de vida das comunidades tradicionais.

superação, amor e revolução de Jair Lisboa

 
 
Jair Lisboa
 Jair Lisboa
SOCIEDADE ALTERNATIVA
(PARABENS PARA TODOS OS ESCRITORES PELO SEU DIA )
Fazemos parte de um legado, que alternam suas idéias, que procura fazer as diferenças em seus momentos, demonstrando todo amor e carinho pela vida, que luta pelos nossos ideais, e faz dessa ideologia a sua esperança, para vôos bem altos, esquecendo essa sociedade e seu tormento financeiro, onde tudo tem seu preço, por isso fazemos de nosso legado uma poesia, encarando essas dificuldades e esse mercado humano, fazendo de nossos versos uma realidade, para valorizar toda vida humana.
Somos os amantes da natureza, que ver na lua a inspiração, que faz os raios do sol, radiar toda beleza de nossas existências, somos aqueles que transformam as cores da tristeza em um lindo arco – Iris, para cobrir todo ser de alegria, que faz de uma simples luz, um belo luar, que faz de uma rosa amarela, uma despedida para negatividade, para fazer do brilho do sol, um sentimento eterno. Nós somos uma sociedade alternativa, que coloca o sexto sentido, sempre em primeiro, para fazer de sua vida uma obra de arte, tendo como único escultor Deus, e com toda essa força, conseguimos viver em harmonia, causando um mal estar a muitos infiéis, que tem como pai o desamor e como mãe a hipocrisia, formando assim a família socialite; E com a aliança do bem, semeamos e cultivamos o amor, ganhando muitos adeptos para o nosso legado, não somos os filhos da revolução, mas somos revolucionários de nossas expectativas, realizando o nosso amor e fazendo parte dessa sociedade alternativa.
Texto do meu livro superação, amor e revolução

sábado, 23 de julho de 2011

Terreirada Cearense no Rio de Janeiro




Hora
Hoje às 23:00 - Amanhã às 03:30

Localização
Casa Gira Mundo
Rua da Lapa, 175 - Lapa (Esquina com Joaquim Silva)
Rio de Janeiro, Brazil

Criado por

Mais informações
Todos os Sábados às 23h, na Casa Gira Mundo.
Rua da Lapa, 175 - Lapa
(Próximo ao Beco do Rato, esquina com Joaquim Silva)


Terreirada Cearense!


Amanhã especialmente, comemorando os 100 de Juazeiro do Norte! Venham fazer essa festa conosco!


Músicas autorais, baião, xaxado, xote, cabaçal, coco, samba, choro, instrumental, reisado e muito mais! Convidados especiais e discotecagem de música Brasileira com o DJ Boca!


Geraldo Junior - Voz, flauta e percussão
Filipe Müller - Violão, baixo e vocal
Joana Araújo - Sanfona e vocal
Cláudio Lima - Bateria, zabumba e vocal
Felipe Rodrigues - Violão, cavaquinho e vocal
Gabriel Pontes - Sax tenor, flauta, percussão e vocal


Ingresso:
R$15,00


Lista amiga até 01:30hs:
R$10,00


Mandem o nome p/ a lista amiga: terreiradacearense@gmail.c​om


Mais informações: (21) 9984 3990 e (21) 9454 6944


Nos vemos lá!

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Dança continua em foco no Curta Doze e Meia


Hora
quinta, 21 de julho · 12:30 - 14:30

Localização
Auditório do Centro Cultural Correios - CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife
Recife (Recife, Brazil)

Criado por
Mais informações
Dando continuidade a temática do mês de julho – Dança e Cia. - o Curta Doze e Meia exibe nesta quinta-feira (21) os vídeos “Figuras da Dança – LUIS ARRIETA”, “Suspiro”, “Arquitetura do Corpo” e “Aminióptico”. Após a sessão haverá um bate papo descontraído com os diretores Marcelo Sena e Oscar Malta. As exibições do Curta Doze e Meia ocorrem todas as quintas-feiras no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, sempre às ...12h30 e entrada gratuita.

Este projeto conta com o patrocínio dos Correios e o apoio do Coletivo NegoBom e da Regional Nordeste do Ministério da Cultura. A realização é da Casa de Produção, Centro Cultural Correios e Governo Federal. No mês de julho, o Curta Doze e Meia conta com o apoio da 9ª Mostra Brasileira de Dança, da Associação Pró-Dança, da São Paulo Companhia de Dança e da Secretaria Estadual de Cultura / Governo de São Paulo.


ASSISTA A NOSSA VINHETA: http://www.youtube.com/wat​ch?v=GfnoflN1FBU&feature=s​hare

CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtado​zemeia
Facebook: http://www.facebook.com/pa​ges/Cineclube-Curta-Doze-e​-Meia/174917149187309
Perfil no Orkut: Cineclube Curta Doze e Meia
YouTube: http://www.youtube.com/use​r/curtadozemeia


Vídeos a serem exibidos:

Figuras da Dança – LUIS ARRIETA
Direção: Inês Bogéa e Sergio Roizenblit
Concepção: Iracity Cardoso e Inês Bogéa
27min, 2009, doc

Luis Arrieta nasceu em Buenos Aires e chegou ao Brasil, em 1974, a convite de Marilena Ansaldi para integrar o Ballet Stagium. Ao longo de mais de 40 anos de trajetória como bailarino, coreógrafo e diretor artístico constituiu uma das mais destacadas obras na arte da dança produzida no Brasil. Com quase uma centena de coreografias, teve papel decisivo na história de importantes companhias, como o Balé da Cidade de São Paulo e o Balé Teatro Castro Alves, de Salvador. Ocupou por duas vezes o posto de diretor artístico do Balé da Cidade de São Paulo e foi um dos fundadores e diretor artístico do Elo Ballet de Câmara Contemporâneo, de Belo Horizonte.


Suspiro (PE)
Direção: Marcelo Sena
05min, 2011, videodança

Uma breve confissão, a partir das vivências relacionadas à construção da própria identidade sexual e de alguns outros. Sexo, gênero e desejo foram estímulos presentes no processo de criação. Este vídeo é um dos resultados de Marcelo Sena na conclusão da pós-graduação em Dança pela Faculdade Angel Vianna/Recife, em março de 2011.


A Arquitetura do Corpo (MG)
Direção: Marcos Pimentel
21min, 2008, doc

Os bailarinos e suas formas. Suas dores. Seus sonhos...


Aminióptico (PE)
Direção: Oscar Malta
07min, 2002, videodança



Serviço:

"DANÇA E CIA."
Dias 07, 14, 21 e 28 de julho de 2011
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9950-0166 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogs​pot.com/


terça-feira, 19 de julho de 2011

Parabélum - Gilmar de Carvalho - Lançamento




Hora
sexta, 22 de julho · 19:30 - 22:30

Localização
Saraiva Megastore - Shopping Iguatemi

Criado por

Mais informações
Caros amigos,

Uma nova chance de prestigiarmos o autor Gilmar de Carvalho
e sua maior obra de ficção: Parabélum.

Esperamos encontrá-los na livraria Saraiva.

Abraços,

Equipe do Armazém da Cultura

Mona Gadelha - Praia Lírica - Lançamento




Hora
sexta, 29 de julho · 20:00 - 23:00

Localização
Teatro José de Alencar

Criado por

Mais informações
Um disco de piano e voz, com arranjos de Fernando Moura, que me dará a honra de dividir o palco.Um repertório de canções de Augusto Pontes, Caio e Graco, Petrúcio Maia, Ednardo, Fagner,Belchior, Ricardo Bezerra, Rodger Rogério, Brandão e Fausto Nilo.Entrada franca.

Davi Silvino - CD Produto Local - Lançamento

Lançamento do cd " Produto Loca"l de Davi Silvino

Hora
sexta, 5 de agosto · 20:30 - 23:30

Localização
Sesc Iracema

Criado por

Mais informações
Música de qualidade para todos

sábado, 16 de julho de 2011

Bandeira de Cantador (Fernandinho Ferreira)

AUCI VENTURA, um canto de resistência!


Foto: Auci Ventura
"O Palco sonoro é o que ta salvando..."

por: Hidegardis Ferreira

A mídia Caririense, orquestrada pelo Governo, se "derrama" na proposta da construção de um novo Parque de Exposição do Crato, que possa vir a atender a demanda do agronegócio, como também, comportar a crescente fatia turística do evento que em grande parte, tem como atrativo o Parque de Shows e aí "é onde mora o pecado" ou "o boi encantado".

O Crato foi abençoado quando caiu nas graças do grande cantor e compositor Luiz "Lua" Gonzaga, que com expressão encourada e voz nordestinamente amada, sem abrir mão das raízes que engrandece a todos nós, levou o nome dessa cidade "além cercas" desse mundão de Deus.

A Exposição do Crato pegou carona na expressividade do Cantador, que terminou ajudando, consideravelmente, nas chamadas publicitárias da ExpoCrato, mas hoje "eles" esquecem que foi na força, na voz e na garganta de um Cantador, que esse evento ganhou destaque nacional.

Aos poucos esse evento vai tomando uma dimensão grandiosa, que exigi dos administradores a necessidade de um novo espaço, mas na "contra-mão" de tudo isso, o Parque de Shows não sinaliza a possibilidade de valorizar e apoiar os Cantores e Compositores do Cariri, principalmente o Pessoal do Crato, que fica escondido num pequeno palco (sonoro), mas que de forma honrosa e digna, se apresenta com "um nó na garganta", mas que mesmo assim canta, como cantou o velho Luiz Gonzaga, um canto de raiz e de valores, que o capitalismo do evento achata com o famoso "Forró de Plástico"., como rotulou Chico César, e outros ritmos alheios aos nossos costumes e valores.

Auci Ventura, uma voz e violão da resistência dos palcos caririenses desabafa: 

"O Palco sonoro é o que ta salvando e também abrindo espaço pra galera local, mas é praticamente nada, perto da imensa estrutura que o Cariri produz para receber os turistas, e os turistas Nordestinos são recebidos com enlatados da inds. do entretenimento.

Como será o Palco Sonoro nessa nova proposta de um novo Parque, tem espaço e respeito de sobra para os nossos Cantores Caririenses?
Tem alguém dentro da proposta pensando nisso, assim como Rosembeg Cariri?


E já houve época em que esse pessoal foi valorizado, como bem diz Auci: 

"Na verdade a ultima vez que os artistas Caririenses participaram do Grande evento, ou seja no palco principal da Expocrato, foi em 1997, quando Rosemberg Cariri ainda estava na Secretaria de Cultura, de lá pra cá a programação passou a ser dominada pelo produto imposto da Inds. do entreternimento, que serviu como processo catalizador para a mega alienação cultural que vem se destacando através da mídia capitalista, um espaço que deveria pertencer a ARTE, sendo explorado sem nenhuma vertente de visibilidade em conteúdo artístico. Reforçando a cada ano o processo de descaracterização da cultura brasileira,é lamentável.

Que seja essa a fala inicial dessa caminha e luta, que junto com Auci Ventura e a sociedade cultural caririense, possamos cobrar um espaço digno e crescente dentro da nova estrutura desse grande evento, que orgulha a nossa região, chamado de ExpoCrato, nosso "tijolo de buriti".

Pode ficar certo, Luiz Gonzaga e o povo do cariri agradece!

4° Festival de Cinema de Triunfo


por: Monike Filgueira

Filmes brasileiros e pernambucanos de longa-metragem e curta-metragem podem atender a convocatória para participar das mostras competitivas que comporão a programação do 4º Festival de Cinema de Triunfo, que será realizado durante seis dias consecutivos do mês de agosto, no Cine Teatro Guarany, em Triunfo.
.
O 4º Festival de Cinema de Triunfo é realizado pelo Governo do Estado de Pernambuco, através da Secretaria de Cultura do Estado de Pernambuco – SECULT-PE - e da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco - Fundarpe, em parceria com a Prefeitura da Cidade de Triunfo.


Hora
segunda, 15 de agosto às 08:30 - 20 de agosto às 10:30

Localização
Triunfo - Pernambuco!


.

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Concursos em todo o Brasil

POR RUDOLFO LAGO
13/07/2011 16:20 



O novo Congresso em Foco estreia a seção “Concursos”. Junto com o leiaute mais moderno, os recursos multimídia e de interação, os leitores agora terão à disposição uma atualizada gama de informações sobre os consursos realizados em todo o país, especialmente os federais. A seção será mantida em parceira com o siteSOS Concurseiro, editado pela jornalista Letícia Nobre. Por três anos, Letícia cobriu o assunto pelo Correio Braziliense. Ela junta essa experiência agora ao Congresso em Foco, gerando uma rica fonte para os cerca de 11 milhões, pelo menos, de brasileiros que hoje se arriscam nos concursos buscando a estabilidade e as demais vantagens de terem o governo como patrão.
Saiba mais: http://congressoemfoco.uol.com.br/



Flávio Leandro na Casa do Rei

FLÁVIO LEANDRO canta “Na casa do rei”

Manoel Pastana em República “Fedorativa”


Roberto Gurgel
Manoel Pastana*


Aqui são analisadas de forma sucinta, objetiva e pragmática, as 390 páginas das alegações finais apresentadas pelo procurador-geral no processo do mensalão
1.   Os tuiuiús que habitam o Pantanal são aves inofensivas. Já os tuiuiús que controlam a cúpula do Ministério Público Federal (MPF), dependendo da situação, podem ser inofensivos ou “sanguinolentos” (sobre a origem dos tuiuiús vide no final deste artigo*).
2. São vários os exemplos que confirmam o comportamento dúbio dos tuiuiús controladores do MPF. Citarei apenas alguns exemplos reais. Um procurador solicitou vantagens financeiras a diversas empresas. Para praticar essa conduta, que é capitulada no artigo 317 do Código Penal como corrupção passiva, ele utilizou, além do prestígio do cargo (enviava até curriculum), uma estagiária, telefones, computadores, papéis e outros materiais da Procuradoria. O caso tem oito anos, e até hoje ele não foi levado a responder pelos seus atos perante o Poder Judiciário.
3. Coincidência ou não, esse procurador vivia na mídia falando de processos que ele e outro procurador promoviam contra integrantes do governo FHC. Ambos recolheram-se no governo Lula.
4. Coincidência ou não, o processo acusatório do mensalão do PT é uma falácia. É história para boi dormir. Mais adiante falarei sobre o engodo que é esse processo.
5. Coincidência ou não, procuradores que efetivamente (e não apenas por faz de conta) investigaram ou processaram correligionários do partido da situação ou, de alguma forma, contrariaram interesses do governo petista, foram perseguidos. Roberto Santoro, ex-subprocurador-geral da República, um dos mais atuantes membros do MPF, tentou investigar o então chefe da Casa Civil José Dirceu, antes de vir a público o escândalo do mensalão. Santoro foi perseguido com raivosos procedimentos disciplinares na Corregedoria-Geral do MPF, comandada pelo tuiuiú Wagner Gonçalves que ingressou na função de corregedor, após os tuiuiús extinguirem – sem amparo legal – o mandato do então corregedor Edinaldo de Holanda Borges.
6. Coincidência ou não, eu fui responsável pela primeira cassação de um parlamentar federal do PT em pleno governo Lula. Sofri quatro anos de intensa perseguição por acusações falaciosas e ridículas (eu contava com mais de 20 anos de serviço público sem nunca ter respondido sequer a uma sindicância). No auge da perseguição, o destemido procurador Celso Três consignou na rede eletrônica dos procuradores da República que o meu caso ficaria registrado como a maior indignidade da história do Ministério Público Federal. Assim como fui vencedor nas ações promovidas contra corruptos, venci todas as perversas ações promovidas contra mim.
7. Além de mim e do Roberto Santoro, outros procuradores também foram perseguidos. O Santoro deixou para trás muitos anos de serviços públicos e largou a carreira prematuramente. Outros colegas optaram pelo silêncio. Eu não deixei o MPF e nem me calei. Se quiserem tirar o meu cargo, que tirem (já tentaram, mas não tenho medo de que tentem novamente); se quiserem tirar a minha vida, que tirem, morrerei feliz por lutar pelo o que acho correto.

ZABUMBEIROS CARIRIS no Palco Sonoro



Daqui a pouco estaremos fechando o último bloco do Jornal do Meio Dia na TV Verdes Mares com a música do Cariri. Logo mais no Palco Sonoro da Urca(Crato-Ce) às 17H, estaremos com o show acústico de terreiro Samba de Feira.
Esperamos por você para essa brincadeira!

terça-feira, 12 de julho de 2011

A Copa não pode ser um gol contra


Helena Martins(*)


A organização da Copa vem mexendo com a imaginação e a vida do povo cearense desde que Fortaleza foi escolhida como uma das sedes do mundial de 2014. Para além da evidente euforia que o evento gera, há muita discussão a ser feita. De imediato, é necessário reafirmar o direito à cidade como norteador das transformações urbanísticas que ocorrerão. Tal direito engloba a defesa da qualidade ambiental, do acesso a transportes, trabalho e segurança, além de formas democráticas de planejamento e governança das cidades, tendo como princípios a sustentabilidade e a justiça social.

Fortaleza tem tudo isso para poucos. Tanto que é uma das 20 cidades mais desiguais do mundo; entre as brasileiras, figura entre as quatro, segundo o relatório da Organização das Nações Unidas (ONU), Estado das Cidades do Mundo 2010/2011: Unindo o Urbano Dividido, que aponta como uma das causas dessa desigualdade a pressão de grupos de interesses privados na destinação dos recursos públicos. O mesmo problema tem ocorrido na definição das obras da Copa. Embora a cidade possua um déficit habitacional superior a 75 mil domicílios, serão investidos mais de R$ 560 milhões em obras de duplicação de vias e construção de um Veículo Leve sobre Trilhos - equipamento que, seguindo recomendações da Federação Internacional de Futebol (Fifa), uma organização privada, privilegiará a ligação do setor hoteleiro ao Castelão. Ao todo, serão gastos R$ 9,6 bilhões em obras no Ceará. Por isso é fundamental questionar a quem elas servirão.

Ainda mais grave é o temor de que ao menos sete mil famílias venham a ser removidas para regiões sem infraestrutura mínima, acesso a transporte e creches, pois suas moradias darão lugar às intervenções urbanísticas. Casas já estão sendo marcadas, gerando medo entre a população que sofre com a falta de informação e não sabe quando, para onde e sob quais condições será deslocada. Essa situação, aliás, é verificada em todas as cidades-sede, conforme o dossiê da Relatoria Especial da ONU para o direito à moradia adequada, que denunciou violações do direito à moradia, falta de transparência, de diálogo e de negociação justa na preparação das cidades para a Copa de 2014 e para os Jogos Olímpicos de 2016.

Com vistas ao desenvolvimento de mecanismos de monitoramento, estratégias de resistência e publicização de abusos, em 2010 foi constituído, em Fortaleza, o Comitê Popular da Copa, articulação composta por diversos setores da sociedade civil que não aceitam que a cidade continue a ser privilégio daqueles que a veem como negócio. Estamos certos de que esse desassossego, feito pólen ao vento, será levado para outras pessoas, que se somarão às que já optaram por resistir à exclusão e defender que esses investimentos não sejam mais um capítulo da história desta cidade onde as minorias lucram e as maiorias ficam com as migalhas e os prejuízos socioambientais.
-- 
(*)Jornalista e integrante do Comitê Popular da Copa

quarta-feira, 6 de julho de 2011

O Coletivo chega a Sobral

Yo quiero ser la Lupe


Por Belkis Proenza

Esmérita Ramírez, actriz cubana, directamente desde Espana, presenta: "Yo quiero ser la Lupe" , este Jueves, 14 de Julio, 8:30 PM en HAVANAFAMA Teatro Estudio, 752 SW 10 Ave. Para reservaciones (782) 319-1716. VISITE EL LINK PARA INFORMACION.

Projeto Um Mais Um Mais Que Dois - com as bandas Mobília e 4deCada



sexta, 8 de julho · 20:00 - 23:00

Localização
Teatro das Marias
ao lado do Hey Ho
Fortaleza (Fortaleza, Brazil)

Criado por







Mais informações:
O Projeto
Um Mais Um Mais que Dois

Do Sesc Iracema em parceria com o BORA!

Apresenta as Bandas 4deCada e Mobília

em apresentação conjunta e única!

serviço
Local: Teatro das Marias
Dia e Hora: 8 de julho (sexta) às 20h
Entrada: R$ 6,00 / 3,00

Homenagem a Luiz Gonzaga